quarta-feira, fevereiro 23, 2005

Finalmente chove em Portugal não tanto como se queria mas pelo menos é pouca mas é "água".

Aqui fica

Meus senhores eu sou a água
que lava a cara, que lava os olhos
que lava a rata e os entrefolhos
que lava a nabiça e os agriões
que lava a piça e os colhões
que lava as damas e o que está vago
pois lava as mamas e por onde cago.

Meus senhores aqui está a água
que rega a salsa e o rabanete
que lava a língua a quem faz minete
que lava o chibo mesmo da rasca
tira o cheiro a bacalhau da lasca
que bebe o homem que bebe o cão
que lava a cona e o berbigão.

Meus senhores aqui está a água
que lava os olhos e os grelinhos
que lava a cona e os paninhos
que lava o sangue das grandes lutas
que lava sérias e lava putas
apaga o lume e o borralho
e que lava as guelras ao caralho

Meus senhores aqui está a água
que rega as rosas e os manjericos
que lava o bidé, lava penicos
tira mau cheiro das algibeiras
dá de beber às fressureiras
lava a tromba a qualquer fantoche e
lava a boca depois de um broche.


Bocage é um senhore!!!

3 comentários:

Anónimo disse...

eu so gostava de saber aonde vais buscar estes textos mirabulosos! lol

Palmas para o homem!!!

Anónimo disse...

quero agua, minetes é cmg!!!

TRoTZ disse...

:]~~~~~~~~~~~~