sexta-feira, fevereiro 04, 2005




Morreu esta semana Canto e Castro aos 74 anos, descendente de Gil Vicente fez cinema, teatro, rádio e televisão, actor do mil ofícios um símbolo do teatro português, era o meu actor preferido, com a sua voz inconfundível faz parte do meu imaginário como criança desde os anúncios de televisão, das séries e das novelas mas principalmente como a voz do Bocas os meus desenhos animados preferidos que me levaram a ver, a gravar em cassetes VHS e ainda hoje rever. Mais um herói e um talento que morre, felizmente a sua obra fica e principalmente a sua voz, única que continuará imortalizada da qual nunca me hei-de esquecer.





1 comentários:

TRoTZ disse...

Uma justa homenagem a hum homem íntegro e que muito deu à cultura portuguesa. Obrigado Canto e Castro.