quinta-feira, março 09, 2006

Começou a Presidência Cavaquista

A partir de hoje temos um novo presidente da república. Pedia-se alguém que fosse um factor de união entre todos, uma personagem simpática mas com carisma, alguém que pudesse motivar os Portugueses, em vez disso temos alguém que parece que engoliu um garfo que diz coisas tão bonitas como estas: "Os líderes da Europa devem demonstrar que se preocupam com as verdadeiras inquietações dos europeus e que as mudanças no Tratado (Europeu) são no sentido de que a Europa possa vencer neste mundo global".
Uma coisa é certa vamos ter um presidente à americana com muitos seguranças, muitos carros, muito aparato, que não se vai demover de estar quietinho como todos no primeiro mandato, para garantir um segundo em que possa emergir.

P.S: Não deixa de ser ridiculo Cavaco ter incluido no seu discurso o clientelismo e uma posição de defesa em nome da nomeação de altos cargos na função pública em função do mérito e não por questões de amizade e partidárias, o homem que a quando dos ultimos dias da sua maioria absoluta não se fez rogado em ajudar todos aqueles que precisavam de mais uns trocos à custa do estado. Haja paciência para tão pouca coerência.

4 comentários:

Lia disse...

Aí está o Salvador, segundo mtos portugueses k nele votaram!
Daqui a 10 anos falamos.

TRoTZ disse...

há que dar uma oportunidade ao novo presidente da republica, e não começar a criticar antes sequer do próprio fazer algo que seja, enfim quando muito mostrar alguma reserva. Penso que todos desejamos que faça um bom trabalho à frente da naçao.

Marquês Van Prög disse...

Depois de ver um Cardeal prsente na cerimónia, só pergunto onde está a laicidade do estado?

Facto : O Cavaco já começa a fazer tudo errado.

E para os que dizem que o cardeal devia estar lá, só pergunto porque ficaram de fora os representantes de outras religiões ?

|:

Lia disse...

E ñ fosse o Pres. Cavaco o primeiro Presidente da República, pós 25 Abril, assumidamente católico.