sexta-feira, março 10, 2006

Depois da gloriosa vitória em Anfield Road em quem ninguém acreditava o Benfica contra tudo e contra todos continua a fazer história. E não faz história apenas por estar nos quartos de final da Liga dos Campeões, faz história por ser das equipas presentes nesta Liga dos Campeões com o orçamento mais baixo, porque bem à pouco tempo viu o seu património completamente delapidado por abutres que se aproveitaram da maior instituição portuguesa para ganhar com isso fama e proveitos para si próprios.

Felizmente o Benfica não é uma instituição qualquer, mostrando uma enorme vitalidade e graças a alguns homens com um autêntico espírito de missão primeiro com a direcção de Manuel Vilarinho e agora com a direcção de Luís Filipe Vieira reergueram o Benfica das cinzas, tiraram-no da banca rota, fizeram-lhe um autêntico saneamento financeiro, aumentaram o seu património, impuseram ordem e promoveram a estabilidade, trouxeram os resultados desportivos a nível interno e agora de novo o reconhecimento internacional.

Se Simões, Águas, Coluna, Torres, Bento, Humberto Coelho, Paneira, Rui Costa ou Eusébio foram figuras que deram muito ao Benfica e fizeram com o que o Benfica tivesse a dimensão que tem, que lugar na história iram ter estas duas últimas direcções que fizeram um autêntico milagre, um exemplo de gestão e de responsabilidade para o país e para os milhares de empresários portugueses a ter em conta digo eu, apesar não podermos comparar o Benfica a uma empresa qualquer.

P.S: Quanto ao jogo e apesar do golão do Simão, a UEFA desiludiu-me ao te-lo nomeado para o melhor em campo, afinal Simão marcou o golo e pouco mais, de certeza que sem as exibições de Luisão, Anderson e do grande Manuel Fernandes o resultado não teria sido o mesmo. Mas como o futebol é um jogo no qual o objectivo é marcar golo entendesse.

O próximo adversário é o Barcelona, talvez neste momento a melhor equipa de futebol do mundo, azar diriam uns, eu não acho isso, apesar de teóricamente ser muito mais acessível um Villareal, Arsenal =\ ou mesmo um Ajax ou Inter. Neste momento o Benfica não tem nada a perder tudo a ganhar, de certeza que vai fazer um grande encaixe financeiro com o jogo com Barcelona e mesmo que perca, ninguém poderá exigir mais do Benfica ao invés caso ganhe teríamos um novo fenómeno no futebol mundial.

Uma última palavra para os Portuguesinhos que tem tentado minimizar os últimos resultados Europeus do SLB. Já não existem acasos quando uma equipa elimina dois tubarões Europeus, um deles campeão europeu em titulo numa eliminatória a duas mãos com um resultado expressivo. Lembro que o F.C.Porto foi de uma forma inesperada e com todo o mérito campeão da Europa à dois anos sem apanhar os grandes da Europa e ninguém minimizou o seu feito por isso. Portanto não venham com a justificação da sorte e desculpas da mesma classe de adjectivos do género.

Viva o Benfica e Viva o Beiga!!!

5 comentários:

Anónimo disse...

So um pequeno reparo a este post.. o benfica esta longe de estar saneado financeirament ou a caminho disso. O PASSIVO E DE 315 MILHOES de euros, o maior em Portugal!

Mas os meus parabens pelos desempenhos desportivos além fronteiras!

Anónimo disse...

GRANDA BENFICA!!!

Amendoim Acéfalo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

O benfica nao passa dos quartos de final.

Força barcelona!

Anónimo disse...

se o ronaldinho se lesionar, talvez tenham chance de passar os 4os ...